EVANGELIZAÇÃO NOS HOSPITAIS - MISSÃO PARA QUEM QUER SER ATALAIA DO SENHOR.

O trabalho de evangelização nos hospitais, mais particularmente na Fundação Hospitalar de Rio Branco-Acre é resultado de uma visão de Deus quando estive hospitalizado, onde através de um sonho um homem vestido todo de branco disse-me: "Se queres viver vai cuidar dos meus doentes". Reparti esse sonho e gradativamente o Senhor tocou no coração de algumas pessoas que têm uma vida voltada para o Senhor que se dispuseram a formar uma Equipe de Evangelização. Atualmente integram também a equipe: Bernadete, Jozi e Socorro (Missão Batista para os Povos) e Raimunda (Assembléia de Deus). Eu atualmente sou membro da Igreja Metodista Wesleyana Jardim Brasil de Rio Branco-Acre.


O nosso trabalho consiste primeiro na participação das atividades regulares da igreja e ainda reuniões específicas do ministério para oração e estudos direcionados à cura divina, libertação e salvação tendo como foco os doentes e acompanhantes, enfermeiros(as) que serão visitados nos hospitais.

No hospital, antes de nossa entrada, oramos agradecendo ao Senhor por termos sido chamados para fazer a sua obra nos hospitais e para que ele esteja na direção de todo o trabalho e ainda que nos dê toda a proteção, discernimento, unção, autoridade e poder para fazermos tão importante trabalho. Visitamos os doentes internados em qualquer enfermaria, todavia o chamado de Deus nos direcionou para as enfermarias de tratamento do câncer e enfermaria de infectologia onde são tratadas doenças muito graves como: aids, meningite, hepatite, cirrose hepática, tuberculose entre outras.

Além de levar a palavra de Deus para conhecimento da verdade que liberta, a equipe tem como alvo principal colocar em prática o ministério tríplice de Jesus, ensinando sobre as escrituras, pregando o evangelho do Reino, curando os enfermos e expulsando demônios, tendo como alvo principal a salvação, considerando que, através desta vem a libertação e a cura em NOME DE JESUS.

Dentro desse trabalho a equipe tem procurado ajudar pacientes dos municípios que tem apresentado dificuldades, fornecendo roupas, material de limpeza e de higiene pessoal quando é necessário.

Alguns dos doentes que recebem nossa visita no hospital têm convidado a equipe para fazer orações e levar a Palavra em suas casas e a equipe tem realizado tais reuniões.

Para participar desse ministério requer uma disposição grande de priorizar a obra de Deus em detrimento de qualquer outra atividade em sua vida, devendo ter consciência de que em Mateus 6:33 diz: Buscai em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça e todas as demais coisas vos serão acrescentadas.

Somos Atalaias do Senhor e não queremos responder pelo sangue de nenhuma pessoa por não termos tocado a trombeta (Palavra) ao vir a espada do inimigo (Ezequiel 33). Por isso, a necessidade de não faltar ao chamado do Senhor por qualquer motivo, que não se justifique.

Inicialmente os que se dispuserem a fazer a obra nesse ministério deverão participar das atividades da igreja, além da reunião específica da equipe na qual realizamos estudos sobre cura, libertação e salvação e princípios de evangelização que é realizada todo sábado às 19 horas na residência do líder ou de qualquer integrante da equipe em forma de revezamento. Somente após participar de pelo menos um mês das reuniões é que o(a) novo(a) integrante estará liberado(a) para iniciar as visitas ao hospital. Este período inclui estudos de capacitação sobre os temas básicos necessários à visita aos hospitais, tais como: capelania, cura, libertação e salvação.

Finalmente consideramos esse trabalho um gesto de amor ao próximo, que tem se constituído em prioridade em nossas vidas e que se torna gratificante quando contemplamos as curas que Jesus tem operado naquele lugar, o sorriso e a restauração da fé e da esperança demonstrada pelo sorriso e alegria revelada em cada face dos doentes, muitas vezes sofridos, quando deixamos àquelas enfermarias.


Somos gratos e agradecemos ao Senhor por ter-nos dado essa oportunidade de fazer a sua obra e não nos deixar desanimar jamais. Já completamos 11 (onze) anos fazendo este trabalho ordenado pelo Senhor. Toda a honra, todo o poder, todo o louvor e toda a glória é para o Senhor JESUS.




José Ribamar Silva.

Líder da Equipe.

sábado, 30 de dezembro de 2017


  NORMAS PARA REALIZAÇÃO DOS TRABALHOS DE CAPELANIA HOSPITALAR  NO HOSPITAL DAS CLÍNICAS DE RIO BRANCO-ACRE

01) Os religiosos designados para realizar os trabalhos de capelania hospitalar deverão obedecer rigorosamente às normas do hospital;
02) Observar os avisos dos leitos em que a visita não é permitida ou restrita.
03) Bater na porta da enfermaria antes de entrar. Se estiver ocorrendo algum procedimento médico, dê prioridade a esse trabalho.
04) Respeitar a presença de outro grupo que já esteja evangelizando no apartamento/Leito que você abrir a porta;
05) Higienizar bem as mãos (álcool gel) antes de iniciar os trabalhos nos apartamentos/leitos e também ao sair dos leitos no final da visita.
06) Estar com vestimentas limpas para realizar a visitação;
07) Não entrar em apartamentos em que todos estejam dormindo.
08) Ao entrar identifique-se e informe a razão de estar ali, sem enfatizar a denominação da sua igreja; Se perguntarem você menciona.
09) Abra espaço e saiba ouvir os pacientes sobre suas ansiedades e medos;
10) Seja breve, caso contrário em vez de confortar, pode fadigar o paciente;
11) Respeite a condição emocional dos pacientes e sua crença religiosa;
12) Fique numa posição que os pacientes tenha facilidade de ouvi-lo e vê-lo.
13) Tome cuidado para não esbarrar nos aparelhos/suportes para soro, sangue algumas vezes situados ao lado das camas dos pacientes;
14) Lembre-se que Deus pode curar, ele é soberano;
15) Seja amável com os servidores do hospital e, principalmente, com os pacientes a serem visitados;
16) Durante a visita você NÃO PODE:
    a) Falar alto (gritar) de modo a incomodar pacientes ou servidores do hospital;
    b) Se ocasionalmente ocorrer do capelão falar em línguas estranhas no interior das enfermarias, deverá respeitar o que já exposto no item a;
    c) Distribuir qualquer material impresso aos pacientes;
    d) Questionar as recomendações médicas no tratamento do paciente;
    e) Sentar na cama do paciente e nem colocar seus materiais (bíblia...) sobre a cama dele;
    f) Ajudar o paciente a mover-se na cama ou levantar-se, chame a enfermeira;
  g) Tocar nos pacientes, ungir com óleo e realizar batismo reduzindo-se assim, pelo contato, a possibilidade de ocorrência de infecção hospitalar, visto que existem patologias cujos agentes patológicos ainda não foram identificados. Exceção será feita em casos excepcionais, com a devida autorização da administração do hospital;
   h) Entrar em confronto com pacientes ou acompanhantes, lembre-se que seu papel é levar o conforto espiritual ao invés de promover discórdias, seja paciente e sábio;
    i) Levar alimentos para o interior do hospital (pacientes, nem acompanhantes);
   j) Visitar enfermarias A ou B e depois visitar as enfermarias C e D do Hospital das Clínicas de Rio Branco-AC;
17. Cumprir rigorosamente o horário da visitação que é de 16h às 17h, evitando assim, que os servidores do hospital tenham que ir atrás do visitante para que deixe o hospital;
17.1 Da entrada no hospital em outros horários
      A visita de líderes religiosos (Padres, pastores, presbíteros, etc) fora do horário de visita acima especificado, poderá ser permitida, mediante solicitação do paciente ou familiares, em casos em que o estado clínico do paciente, indique caráter de urgência da visita. O religioso deverá dispor das informações do paciente e da enfermaria e leito em que o mesmo se encontra no hospital.
18. Se possível, ao chegar em casa tire a roupa que você usou no hospital e coloque logo no cesto para lavagem, não permita que nenhuma pessoa de sua família, sobretudo crianças, tenham contato com essas roupas antes de lavá-las.
 Obs. A não observância dessas normas por qualquer religioso será levado ao       conhecimento de seu láder espiritual, podendo culminar com o impedimento do(a)
        mesmo(a) de fazer o trabalho de capelania dentro do hospital Fundação Hospitalar de Rio Branco-Acre.
      
    Rio Branco-AC, 29 de abril de 2017.

                                                            José de Ribamar Torres da Silva

  Membro da Comissão

EVANGELIZAÇÃO NOS HOSPITAIS

I - FOMOS CHAMADOS PARA FAZER A OBRA DO SENHOR.

Marcos 16:15/Tiago 5:14-16
- Fazer o Ide do Senhor.
- Orai uns pelos outros.
- A oração da fé salvará o doente e os seus pecados serão perdoados.
- Confessar nossas culpas.
- Oração da fé feita por um justo pode muito em seus efeitos.

II – SE OBEDECERMOS AO SENHOR SEREMOS ABENÇOADOS.
Mateus 18:20
Porque, onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, aí estou eu no meio deles.

Mateus 6:33
Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas.
34 Não vos inquieteis, pois, pelo dia de amanhã, porque o dia de amanhã cuidará de si mesmo. Basta a cada dia o seu mal.

Mateus 7:7-8
Pedi, e dar-se-vos-á; buscai, e encontrareis; batei, e abrir-se-vos-á.
Porque, aquele que pede, recebe; e, o que busca, encontra; e, ao que bate,       abrir-se-lhe-á.

João 15:7
Se vós estiverdes em mim, e as minhas palavras estiverem em vós, pedireis tudo o que quiserdes, e vos será feito.

Mateus 11:28
Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei.

I João 1: 9-10
Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados, e nos purificar de toda a injustiça.
Se dissermos que não pecamos, fazemo-lo mentiroso, e a sua palavra não está em nós.

 Ler: Apocalipse 3:20; Isaías 59:1-2; Mateus 10:32-33/ Romanos 10:9-10.

Evangelista: Ribamar Silva
Evangelização nos Hospitais

I - FOMOS CHAMADOS PARA FAZER A OBRA DO SENHOR.
Marcos 16:15
E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura.

Tiago 5:14-16
14 Está alguém entre vós doente? Chame os presbíteros da igreja, e orem sobre ele, ungindo-o com óleo em nome do Senhor; 15 E a oração da salvará o doente, e o Senhor o levantará; e, se houver cometido pecados, ser-lhe-ão perdoados. 16 Confessai as vossas culpas uns aos outros, e orai uns pelos outros, para que sareis. A oração feita por um justo pode muito em seus efeitos.

II - JESUS CRISTO CONTINUA CURANDO AS ENFERMIDADES.
 Hebreus 13:8
Jesus Cristo é o mesmo ontem, hoje e eternamente. Ele é o Médico dos médicos. Por que?

III - HÁ PROMESSAS DE CURA PELO SENHOR EM SUA PALAVRA. E O DOENTE O QUE DEVE FAZER?

 2 Crônicas 7:14-15
14 E se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra. 15  Agora estarão abertos os meus olhos e atentos os meus ouvidos à oração deste lugar.

Êxodo 23:25b
25 E servireis ao SENHOR vosso Deus, e ele abençoará o vosso pão e a vossa água; e eu tirarei do meio de vós as enfermidades.

Isaías 53:4-5
4 Verdadeiramente ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e as nossas dores levou sobre si; e nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus, e oprimido.
5 Mas ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e moído por causa das nossas iniquidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados.

Êxodo 15:26
26 E disse: Se ouvires atento a voz do SENHOR teu Deus, e fizeres o que é reto diante de seus olhos, e inclinares os teus ouvidos aos seus mandamentos, e guardares todos os seus estatutos, nenhuma das enfermidades porei sobre ti, que pus sobre o Egito; porque eu sou o SENHOR que te sara.
 Ler: Apocalipse 3:20; Isaías 59:1-2; Mateus 10:32-33; Romanos 10:9-10.

domingo, 12 de março de 2017

JESUS CRISTO É O MESMO, ONTEM, E HOJE, E ETERNAMENTE.
(HEBREUS 13:8)
   
     Mateus 28:6
     Ele não está aqui, porque já ressuscitou, como havia dito. Vinde, vede o lugar onde o Senhor jazia.
      Você crê que Jesus foi morto e ressuscitou. Que ele está aqui no meio de nós, continua vivo e realizando curas e milagres?

1) O Senhor trata seriamente o pecado
   
     Marcos 2:17
     E Jesus, tendo ouvido isto, disse-lhes: Os sãos não necessitam de médico, mas, sim, os que estão doentes; eu não vim chamar os justos, mas, sim, os pecadores ao arrependimento.

     Atos 3:19
     Arrependei-vos, pois, e convertei-vos, para que sejam apagados os vossos pecados, e venham assim os tempos do refrigério pela presença do SENHOR,

2)     Jesus curava a grandes multidões e expulsava os demônios.
Mateus 8:16
E, chegada a tarde, trouxeram-lhe muitos endemoninhados, e ele com a sua palavra expulsou deles os espíritos, e curou todos os que estavam enfermos;

      Mateus 11:28
          Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei.

Mateus 14:14
E, Jesus, saindo, viu uma grande multidão, e possuído de íntima compaixão para com ela, curou os seus enfermos.
      
     Marcos 1:34
E curou muitos que se achavam enfermos de diversas enfermidades, e expulsou muitos demônios, porém não deixava falar os demônios, porque o conheciam.

      Lucas 7:21
      E, na mesma hora, curou muitos de enfermidades, e males, e espíritos maus, e deu vista a muitos cegos.

3)     Na sua pátria Ele apenas fez alguns poucos milagres - Marcos 6:3-6
       Não é este o carpinteiro, filho de Maria, e irmão de Tiago, e de José, e de Judas e de Simão? E não estão aqui conosco suas irmãs? E escandalizavam-se nele. E Jesus lhes dizia: Não há profeta sem honra senão na sua pátria, entre os seus parentes, e na sua casa. E não podia fazer ali obras maravilhosas; somente curou alguns poucos enfermos, impondo-lhes as mãos. E estava admirado da incredulidade deles. E percorreu as aldeias vizinhas, ensinando.
   
      Você crer que quando recebe a oração de cura com imposição de mãos você pode ser curado? Dependerá da sua fé e de ter convicção nas promessas contidas na Palavra de Deus.

4) Apenas Creia, jamais duvide, não olhe para as tribulações olhe para o Senhor. Confie nele! Profetize sua vitória e diga: Eu estou curado(a) em NOME DE JESUS”.

                        Hebreus 11:1,6; II Crônicas 7:14-15; Isaías 53:4-5; Provérbios 3:5-8
BENEFÍCIOS DAQUELES QUE ESPERAM CONFIADAMENTE NO SENHOR

Introdução:

1. Há certas coisas que pelas quais vale a pena esperar. Já existe um dito popular de que "o apressado come cru", cuja moral é a seguinte: Aquele que não sabe esperar pode atrair para si situações de desconforto, ou cai nas armadilhas do diabo. Um texto da Palavra de Deus que pode lançar luz sobre este princípio é Pv 21.5: "Os planos do diligente(esforçado) tendem à abundância, mas a pressa excessiva, à pobreza".

2. O apressado, em virtude de sua impaciência pode tomar decisões erradas que certamente comprometerão sua vida futura. Notem as palavras iniciais do Salmos 40: "Esperei com paciência no Senhor...". A espera aqui não é no homem, mas no Senhor, pois o homem pode falhar conosco, ao passo que Deus sempre nos honrará, e no tempo certo fará com que sejamos elevados na sua presença.

3. Porém quando aprendemos a esperar no Senhor seremos galardoados/premiados com as melhores coisas, pois Deus quer o melhor para nós. Observando atentamente o texto lido podemos ver quais são   "Os benefícios que temos quando esperamos confiantemente no Senhor".

I. NOSSAS ORAÇÕES SINCERAS SERÃO OUVIDAS.
1. "...Ele se inclinou para mim e ouviu quando clamei por socorro – Salmos 40:1". Notem que há três palavras importantes nesta expressão:
a. A palavra "inclinar-se". Esta palavra vem do termo hebraico "hjn" – natah e tem como significado "inclinar-se", "dobrar-se", "curvar-se para baixo". Isto mostra que Deus está como que fazendo um esforço para ouvir nossas orações.

b. A palavra "ouvir", que vem da palavra hebraico "emv" – shama, que traz o significado de "entender", "perceber", "ouvir com atenção", "conceder pedido".

c. Clamar é mais profundo do que simplesmente orar. Quando clamamos ao Senhor envolvemos todo o nosso ser, corpo, alma e espírito. O clamor leva-nos a se derramar na presença do Senhor, não por dor, mas por satisfação de estar na sua presença.

d. Orações feitas sem sinceridade (em pecado) e sem fé não serão ouvidas pelo Senhor - Is 59:1-2.

2. O SIGNIFICADO DESTAS PALAVRAS MOSTRA-NOS CLARAMENTE QUE DEUS NÃO APENAS ESTÁ ATENTO ÀS NOSSAS ORAÇÕES, MAS TAMBÉM RESPONDE CADA UMA DELAS.
 Por toda a Palavra de Deus temos respaldo para crer que quando oramos a Deus em sinceridade, não estamos jogando palavras ao ar, mas estamos estabelecendo um elo de ligação entre Ele e nós. Vamos ver alguns textos que nos garantem a verdade de que Deus nos ouve:
a. Salmo 34:4, "Busquei o SENHOR, e ele me acolheu; livrou-me de todos os meus temores". A palavra buscar vem do hebraico "vrd" – darash – "procurar", "requerer", "consultar". O salmista afirma em sua oração que procurou ao Senhor e foi por Ele acolhido, livrando-o de todos os seus temores.

b. Lamentações 3.55-57, "55 Da mais profunda cova, SENHOR, invoquei/chamei o teu nome. 56 Ouviste a minha voz; não escondas o ouvido aos meus lamentos, ao meu clamor. 57 De mim te aproximaste no dia em que te invoquei; disseste: Não temas". Notem que a situação do profeta era grave. Seu clamor se fez ouvir por Deus da "mais profunda cova". Note como Deus respondeu através de expressões no próprio texto: "ouviste a minha voz", "de mim te aproximaste" (no dia da invocação), "disseste: Não temas".

3. PORÉM NOSSAS ORAÇÕES DEVEM EXPRESSAR NOSSO ANSEIO PELO SENHOR:
a. Salmo 130:6, "A minha alma anseia pelo Senhor mais do que os guardas pelo romper da manhã".

b. 1 Cr 22.19, "Disponde, pois, agora o coração e a alma para buscardes ao SENHOR, vosso Deus...". Temos aqui um conselho do velho rei Davi a seu jovem filho Salomão, sucessor no reinado. Certamente que em nossa busca ao Senhor devem estar envolvidos "coração e alma", todos os nossos sentimentos. E desta maneira encontraremos ao Senhor. "Buscar-me-eis e me achareis quando me buscardes de todo o vosso coração", Jr 29.13.

4. TENHAMOS A CONFIANÇA DE QUE PODEMOS MANTER UMA COMUNHÃO PERFEITA COM DEUS ATRAVÉS DE NOSSAS ORAÇÕES, "Acheguemo-nos, portanto, confiadamente, junto ao trono da graça, a fim de recebermos misericórdia e acharmos graça para socorro em ocasião oportuna", Hb 4:16.

II. ELE NOS LIVRA DAS SITUAÇÕES DESCONFORTANTES E NOS COLOCA EM LUGAR DE DESTAQUE
1. "Tirou-me de um poço de perdição, de um tremedal de lama; colocou-me os pés sobre uma rocha e me firmou os passos". Algumas expressões precisamos destacar:
a. A expressão "poço de perdição", tem como significado "uma cova", "um calabouço", "uma cisterna", com aspecto horrível, de onde não se pode sair sem ajuda externa. Poderia equivaler a um "poço de areia movediça", ou ainda "uma cisterna usada para prisão", como aquela em que foi lançado o profeta Jeremias,
Muitas vezes o filho de Deus está atolado até o pescoço e carece de uma intervenção sobrenatural do Criador

b. A expressão "tremedal de lama", que tem como significado "um lugar cheio de lama", "um pântano", "um lugar sujo". O verdadeiro cristão não pode viver na sujeira deste mundo.

c. A expressão "colocou os meus pés sobre uma rocha", alude a um contraste: Aquele que estava lutando para escapar de uma cisterna lamacenta ou de um pântano barrento, é livrado por Deus e seus pés agora são colocados sobre uma rocha firme.

d. A expressão "firmou os meus passos", nos dá a idéia de que sem o Senhor nossos passos são vacilantes, nossas pisadas não são firmes, porém ao sermos tocados por Ele, nosso andar é corrigido, e nossa forma vacilante de caminhar adquire cadência e firmeza gerenciadas pelo Senhor.

2. Percorramos a Bíblia para procurar situações de desconforto, das quais podemos ser libertos pelo Senhor:
a. Salmos 18.18-19, "18 Assaltaram-me no dia da minha calamidade, mas o SENHOR me serviu de amparo. 19 Trouxe-me para um lugar espaçoso; livrou-me, porque ele se agradou de mim". Quando estamos vivendo um relacionamento com Deus sadio,  alcançamos socorro em momentos difíceis e nossas orações serão sempre respondidas

b. Salmos 34.4, "Busquei o SENHOR, e ele me acolheu; livrou-me de todos os meus temores". Muitos são os temores que podemos desenvolver no mundo em que vivemos. Temor da morte, da fome, da miséria, da falta de um teto, da doença, etc. Deus nos livra de "todos" os nossos temores. O pior temor que o homem tem é o temor da morte. Este é o primeiro temor do qual somos libertos quando nos convertemos ao Senhor,

c. Salmos 121:1-83. Em qualquer situação de desconforto, devemos lembrar que o nosso socorro vem do Senhor.


       Ler: 2 Crônicas 7:14-15; Eclesiastes 5:4-5; 
               Mateus 10:32-33; Romanos 10:8-10.

sábado, 18 de fevereiro de 2017


OITO RAZÕES PELAS QUAIS  PODEMOS SER CURADOS:

1. Porque JESUS CRISTO É O MESMO ONTEM HOJE E ETERNAMENTE (Hebreus 13:8)
    - Jesus nunca muda! Jesus curava as multidões como uma de suas missões. Mas não veio apenas para curar, mas para que todo aquele que nele crer será salvo. Curar constituía parte importante do ministério de Jesus
   - Jesus curou cegos, coxos e ressuscitou morto. Morreu, mais ressuscitou, portanto cremos num Deus vivo. Jesus Cristo é o Médico dos médicos.
2. Podemos esperar que Deus cure, porque o PROCESSO TEVE ORIGEM N’ELE
     Isaías 53:4-5
     4 Verdadeiramente ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e as nossas dores levou sobre si; e nós o reputávamos por aflito, ferido de Deus, e oprimido. 5 Mas ele foi ferido por causa das nossas transgressões, e moído por causa das nossas iniqüidades; o castigo que nos traz a paz estava sobre ele, e pelas suas pisaduras fomos sarados.
      - Na cruz Cristo levou no seu corpo as nossas dores e nossas enfermidades. Se Jesus    morreu por nós, não é de esperar que também nos cure?

3. Podemos esperar sermos curados por causa do NOME DE DEUS
     O nome de Deus é Yahweh Rapha = O Senhor que te sara.
    Êxodo 15:26
    26 E disse: Se ouvires atento a voz do SENHOR teu Deus, e fizeres o que é reto diante de seus olhos, e inclinares os teus ouvidos aos seus mandamentos, e guardares todos os seus estatutos, nenhuma das enfermidades permitirei vir sobre ti, que permiti vir sobre o Egito; porque eu sou o SENHOR que te sara.
   
4. Podemos esperar a cura porque as MISERICÓRDIAS DE DEUS SÃO PARA TODOS.
    Mas, Jesus fez poucos milagres em Nazaré por causa da incredulidade do seu povo.
    Deus se preocupa com as pessoas em todo o mundo e não apenas com o “povo eleito”.
   Salmos 103:3
3 Ele é o que perdoa todas as tuas iniquidades, que sara todas as tuas enfermidades,

5. Podemos esperar a cura por causa das PROMESSAS DE DEUS
   Tiago 5:14-16
   14 Está alguém entre vós doente? Chame os presbíteros da igreja, e orem sobre ele, ungindo-o com azeite em nome do Senhor;
   15 E a oração da fé salvará (curará/libertará) o doente, e o Senhor o levantará; e, se houver cometido pecados, ser-lhe-ão perdoados16 Confessai as vossas culpas uns aos outros, e orai uns pelos outros, para que sareis. A oração feita por um justo pode muito em seus efeitos.



     Êxodo 23:25
25 E servireis ao SENHOR vosso Deus, e ele abençoará o vosso pão e a vossa água; e eu tirarei do meio de vós as enfermidades.

6. Podemos esperar que Deus cure porque Jesus disse que o faria (é sua vontade)
    Mateus 8: 1-3
   1 E, DESCENDO ele do monte, seguiu-o uma grande multidão. 2 E, eis que veio um leproso, e o adorou, dizendo: Senhor, se quiseres, podes tornar-me limpo. 3 E Jesus, estendendo a mão, tocou-o, dizendo: Quero; sê limpo. E logo ficou purificado da lepra.
   - Deus é todo poderoso, onipotente. Não há doença ou enfermidade que não possa ser curada por Jesus. Ele tem a soberania sobre a cura.

7. Podemos esperar a cura de Deus porque Cristo introduziu o Reino de Deus neste mundo. (Deus está no controle).
      Deus está no controle do mundo espiritual de seu Reino e do reino de satanás. Deus estabelece limites até onde o inimigo pode agir em nossa vida. (Jó 1:11-12 Jó 2:6).
Aquele que é de Deus o maligno não toca na sua vida. O diabo não toca em você porque você é espiritual, poderoso, tem unção ou é santo. Ele não te toca é porque DEUS ESTÁ NO CONTROLE e estabeleceu uma lei: Diabo aquele que tem a marca do sangue do meu filho, você não pode tocar. Amém. Porque Deus é soberano e está no controle de tudo.

SALMOS 37:4-5
      3: Deleita-te também no SENHOR, e te concederá os desejos do teu coração
      4: Entrega o teu caminho ao SENHOR; confia nele, e ele o fará.

8. Podemos esperar que Deus cure pela maior de todas as razões; Cristo morreu por nós.
     Romanos 8:32
     32 Aquele que nem mesmo a seu próprio Filho poupou, antes o entregou por todos nós, como não nos dará também com ele todas as coisas?

     Mateus 8:17
     17 Para que se cumprisse o que fora dito pelo profeta Isaías, que diz: Ele tomou sobre si as nossas enfermidades, e levou as nossas doenças.


      CONCLUSÃO: Faça uma reflexão sobre como está sua relação com Deus. Abra seu coração para Ele, não tente esconder nada, pois Ele tudo vê e tudo sabe. Arrependa-se verdadeiramente e peça perdão (especificamente) por tudo que o tem afastado dele. O segredo da bênção é ouvir sua Palavra, obedecer e esperar no tempo do Senhor a sua vitória.



    Ler: Salmos 34:9; Isaías 59:1-2; II Crônicas 7:14-15; Mateus 10:32-33;               Romanos 10:8-10.

domingo, 29 de janeiro de 2017

AS TEMPESTADES EM NOSSAS VIDAS NÃO PODEM NAUFRAGAR NOSSO BARCO.

1) MATEUS 14:22-33

  22 E logo ordenou Jesus que os seus discípulos entrassem no barco, e fossem adiante para o outro lado, enquanto despedia a multidão.
23 E, despedida a multidão, subiu ao monte para orar, à parte. E, chegada já a tarde, estava ali só.
    É necessário termos momentos de intimidade a sós com o Senhor. É hora de rasgarmos o nosso coração e não as vestes. É hora de sinceridade, verdade, arrependimento e perdão. Orar é falar com Deus abrindo o nosso coração sem esconder nada.
24 E o barco estava já no meio do mar, açoitado pelas ondas; porque o vento era contrário;
    Barco é a nossa vida física e spiritual e o vento contrário são as tribulações, lutas, as aflições que todos nós passamos nesta vida.
25 Mas, à quarta vigília da noite, dirigiu-se Jesus para eles, andando por cima do mar.
    O Senhor contempla tudo que pensamos, fazemos, passamos, nossas atitudes e consequências. Ele não nos obriga, mas nos convida a segui-lo e diz Todo aquele que quiser vir após mim, renuncie a si mesmo, tome diariamente a sua cruz e siga-me    (Lucas 9:23). O livre arbítrio é nosso! E disse ainda: E quem não toma a sua cruz, e não segue após mim, não é digno de mim (Mateus 10:38).
26 E os discípulos, vendo-o andando sobre o mar, assustaram-se, dizendo: É um fantasma. E gritaram com medo.
    Os discípulos andavam com Jesus, mas eles não conheciam o seu poder. Assim são algumas pessoas que estão dentro das igrejas, não conhecem e nem experimentaram o poder de Deus. Falta fé (crer no impossível), oração, intimidade e fidelidade para colocá-lo em primeiro lugar em suas vidas
27 Jesus, porém, lhes falou logo, dizendo: Tende bom ânimo, sou eu, não temais.
   Se estivermos andando com Jesus ele se apresenta para nos socorrer diante de cada tribulação. Não precisamos entrar em desespero, pois se verdadeiramente confiarmos, Ele estará no controle.
28 E respondeu-lhe Pedro, e disse: Senhor, se és tu, manda-me ir ter contigo por cima das águas.
    Pedro mesmo andando com Jesus duvidou que Ele pudesse andar sobre as águas, mesmo depois de presenciar tantos milagres. Somos assim também, esquecemos os livramentos e vitórias já conquistadas através do sangue de Jesus na cruz. 
29 E ele disse: Vem. e Pedro, descendo do barco, andou sobre as águas para ir ter com Jesus.
    Jesus disse vem, caminha sobre as águas. Vem até mim, tem essa experiência ímpar.



30 Mas, sentindo o vento forte, teve medo; e, começando a ir para o fundo, clamou, dizendo: Senhor, salva-me!
    Pedro desceu do barco sem a fé espiritual de que poderia nadar sobre as águas. Enquanto ele olhava pra Jesus, ele caminhou sobre as águas. Mas logo se levantou mais ainda os ventos contrários (tempestade) e Pedro teve medo e olhando para a tempestade começou a afundar. Onde estão nossos olhos em Cristo ou nas circunstâncias? Nos sintomas das doenças ou contemplando a cura? Se os nossos olhos estiverem sempre nas circunstâncias (lutas, tribulações, perseguições...) estaremos louvando a satanás, mas se crermos que Jesus Cristo é poderoso o suficiente para transformar todas as tempestades em bonanças você poderá até perder algumas batalhas, mas jamais perderá a guerra, Jesus Cristo é o Médico dos médicos. O Senhor te diz nesta tarde: “Não temas, pois estou contigo, Não te deixarei nem te desampararei. Mesmo que andes pelo vale da sombra da morte, contigo estarei. Adore ao Senhor e agradeça por todas as coisas que ele já fez em sua vida e que vai fazer
31 E logo Jesus, estendendo a mão, segurou-o, e disse-lhe: Homem de pouca fé, por que duvidaste?
Mesmo quando nossa fé comece a fraquejar, devemos logo buscar ao Senhor e ele responderá, porém não duvides, creia e tenha uma experiência sobrenatural com Deus, sabendo que sua resposta só pode ser sim, não ou espere.
 32 E, quando subiram para o barco, acalmou o vento.
      Tenha convicção deque se você deixou ou vir a deixar Jesus entrar no seu barco (sua vida), ele acalmará todas as tempestades e todos nós seremos mais que vencedores, em Cristo Jesus. Não deixe o desespero e a depressão destrói sua fé. A murmuração é o louvor que agrada satanás e abre legalidade para ele agir em nossas vida (matar, roubar e destruir).   No meio da tempestade, quando você não tem mais forças ou recursos para resolver tal situação o Senhor se levanta e apazigua a tempestade que está na tua vida (barco) e segue-se a bonança
     
 33 Então aproximaram-se os que estavam no barco, e adoraram-no, dizendo: És verdadeiramente o Filho de Deus.
          O Senhor está atrás de verdadeiros adoradores que o adorem em espírito e em verdade. Seja grato ao Senhor até pelo ar que você respira. Na UTI é pago alto preço pelo oxigênio utilizado na respiração artificial, o Senhor nos dá de graça. Só isso já seria motivo para agradecer, mas tem mais motivos: Ele levou na cruz os nossos pecados, nossas dores, enfermidades, restaurou nossa comunicação com Deus (aliança) e pelas suas pisaduras fomos sarados. A questão é APENAS CRER.
.

Ler: Eclesiastes 5:4-5; II Crônicas 7:14-15; I João 1: 9-10; Mateus 10:32-33;                        Romanos 10:9;